Galeria

Cabral, ditador do Rio rasga constituição e quer cassar direito de greve!

Cabralditadordorio

Seria até cômico não fosse o tamanho do absurdo e autoritarismo do governo e da justiça do Rio.

Em plena “democracia” Cabral não tem o menor pudor em rasgar a carta constitucional de 1988. 

É no Art. 9º que consta o seguinte texto “É assegurado o direito de greve, competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender.”

E é claro que não poderia ser diferente. Cabe ao trabalhador decidir sobre quando e porquê fazer greve!

E o governador ainda diz que o sindicato não tem motivos para uma greve!!!??? Então é ele quem define se vamos ou não nos organizarmos? É ele quem diz se estamos ou não satisfeitos com nossas condições de trabalho e salários? Se isso não é ditadura alguém pode dizer qual é o nome?

Atenção OAB, ABI, Vereadores, Deputados, Ministério Público… ONDE ESTÃO TODOS?

 Multa de 500 mil por dia? Seria então para fechar o Sindicato? Bem nos moldes dos governos nos tempos da ditadura! Fechavam sindicatos, perseguiam dirigentes dos mesmos… Essa é uma nova cara a ditadura?

Para impor a corrupção no Governo com nossas verbas está valendo qualquer coisa! Ou alguém acha que Cabral está de fato preocupado com os eventos esportivos que acontecerão em nosso Estado? Claro que não! A pergunta que eles sempre fazem é: Quanto renderá esse evento para os nossos cofres? Não falamos dos cofres públicos, esses são verdadeiros barris furados pela elite que se embebedam da fome, da miséria e desgraça da população.  

Veja a matéria do jornal de hoje, primeiro dia de greve da rede estadual:

Jornla O Dia

Justiça concede liminar contra greve de professores

Rio – O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro concedeu nesta terça-feira uma liminar ao Governo do Estado determinando que o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) não realize a greve programada para hoje.

Caso o sindicato proceda com o ato e incentive os professores e demais servidores a entrarem em greve, poderá receber multa diária de R$ 500 mil.

A Secretaria de Educação (Seeduc) afirma que entrou com o pedido de liminar por entender que o sindicato não tem motivos para incitar a paralisação, e que os estudantes necessitam ter aulas e os pais precisam que os filhos vão para a escola. Segundo a secretaria, a categoria tem recebido reajustes salariais e, este ano, já obteve auxílio alimentação e o anúncio de aumento do salário já foi feito.

“Em maio anunciaremos o percentual. Será acima dos 5,84% referentes à inflação de 2012, portanto, com ganho real. Os docentes da rede estadual estão tendo recomposição salarial e têm um pacote de benefícios que não tinham; como os auxílios transporte, alimentação e qualificação, além de formação continuada paga e com bolsa”, afirmou o subsecretário de Gestão de Pessoas da Seeduc, Luiz Carlos Becker Júnior.

Ainda de acordo com a Seeduc, nesta terça-feira faltaram ao trabalho apenas 297 docentes, de um total de 75 mil. Ou seja, 0,3% do total.

Anúncios

Um comentário em “Cabral, ditador do Rio rasga constituição e quer cassar direito de greve!

  1. Estamos vivendo realmente um retorno à ditadura!! Proibir o direito de greve!! Como pode um desembargador acatar um pedido desses? Senti falta na reportagem de um posicionamento legal do SEPE quanto à liminar. Essa notícia causará um grande impacto entre os servidores e intimidará aqueles que estão “em cima do muro”.. O SEPE precisa se posicionar, de preferência com nota em jornais ou televisão, IMEDIATAMENTE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s